sábado, 10 de dezembro de 2011

ESTILO QUE FICA...


Clássica sapatilha de bailarina que tomou as ruas.

terça-feira, 18 de outubro de 2011

"ESTAMOS INDO DE VOLTA PRA CASA"


Hoje no terminal do ônibus identifiquei um novo morador de rua... Fico sempre “tentando entrar na vida deles” todos os dias enquanto faço o trajeto casa/trabalho, trabalho/casa, então mais ou menos os conheço pelas feições.
A maioria ainda dorme enquanto cruzo a avenida logo cedinho e eu os observo. Tento invadi-los através de minha imaginação, saber como passam, se mendigam noites estreladas, amigos, afeto ou alguma paixão.
Como será não ter para onde voltar? Será que um dia terei coragem de perguntar? Não me dói à pergunta, me dói antecipadamente à resposta e minha impotência diante de tanta carência.
Os imagino unidos e leais uns aos outros, alheios ao ZH de domingo, ao facebook e sem e-mails. Mas queria saber sobre o que conversam quando cai à noite sobre suas casas imaginárias. Se tem planos para um domingo de sol. Se gostam do horário de verão, o que farão no natal? Como se comportariam se os convidasse para um churrasco lá em casa...

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

POSTADO PELA ALCI - TALVEZ UM PEDACINHO DA ALMA DELA...


"A vida se esvai em cada novo momento. E eu, sempre fiel àquilo que creio. Aquela espera infantil da fresta de luz embaixo da porta me faz ter coragem para enfrentar o peso dos medos antigos, que demoram a dormir. Aquela ânsia em ser-me boa e tanto bem, sinto agora mais que nunca. Sou eu. Mas só sou com os felizes. Fique sabendo que a alegira cresce conforme a quantidade de pensamentos bons que se coloca nas coisas que a gente faz. E foi que aqui, a alegria cresceu. Só cresce. Ora, eu já sabia desse verbo que conjugo na frente do espelho todamanhã. É acreditar. É desejar. É meu por direito. É. Sem pressa nenhuma de ser pretérito."

É DIFÍCEL SER VERDADEIRA. MAS PRINCIPALMENTE SER LEAL A SI MESMA. SABER A HORA DE ENCERRAR CICLOS DE ABRIR E/OU REABRIR NOVAS PORTAS. É PARA GENTE "GRANDE"! V. É ASSIM E EU PRIVELIGIADA DE TE TER ASSIM! BEIJO KÁTIA EMMEL

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

LIVRO EM BRANCO


Fase novíssima assim como se Deus tivesse me dado um caderno em branco novamente, as folhas novinhas e eu preenchendo com minhas verdades, meus novos hábitos, minha busca espiritual, a cumplicidade e os ensinamentos da Isabel, a pausa para respirar para depois responder. a certeza de que a lealdade só vale a quem nos é leal, a coragem de dizer não livremente e sem culpa só com sentimento de liberdade e paz,caminhadas na praça para curtir cada instante da primavera, e este amor eterno e verdadeiro do Márcio. Amo-te! Amo viver.

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

A ISABEL CHEGOU


Ela sentava na areia e ficava horas a fio olhando os aviões que partiam e ali se perguntava quando partiria o avião dela? A bagagem dela pronta, cheia de sonhos, planos, saudades, previsões,cortinas, o quadro do anjo de parede, os DVDs vistos e revistos, o aquário, seu amor atira colo e todos os seus livros e lembranças.

O dia do embarque chegou...o avião dela decolou rumo aos novos planos. Era a hora o momento certo.

Trouxe tanta ternura na bagagem que minha casa tem o cheiro dela. Me trouxe a resolução de coisas que me atormentavam, trouxe paz, alguns Kg a mais trouxe também pois prepara para nós pratos maravilhosos.

E lá foi ela montar seu lar...que de tão lindo e aconchegante nos faz querer estar todos os dias com ela.

Beijo no ombro te amo

domingo, 21 de agosto de 2011

CARLENE,CLEBER E KAUÃN QUE DEUS OS ILUMINE


ORAÇÃO A NOSSA SENHORA DO BOM PARTOO Maria Santíssima, vós, por um privilégio especial de Deus, fostes isenta da mancha do pecado original, e devido a este privilégio não sofrestes os incômodos da maternidade, nem ao tempo gravidez e nem ao parto; mas compreendeis perfeitamente as angústias e aflições das pobres mães que esperam um filho, especialmente nas incertezas do sucesso ou insucesso do parto.Olhai por mim, vossa serva, que na aproximação do parto, sofro angústias e incertezas.Dai-me a graça de ter um parto feliz. Fazei que meu bebê nasça com saúde, forte e perfeito.Eu vos prometo orientar me filho sempre pelo caminho que vosso filho, Jesus, traçou para todos os homens o caminho do bem.Virgem Mãe do Menino Jesus, agora me sinto mais calma e mais tranquila porque já sinto a vossa maternal proteção.Nossa Senhora do Bom Parto, Rogai por NÓS.

Carlene Beijo da tua Dinda!

domingo, 14 de agosto de 2011

sábado, 13 de agosto de 2011

FELIZ DIA DOS PAIS MOACIR NASCIMENTO (In memorian)

"Pai!
Pode crer, eu tô bem
Eu vou indo
Tô tentando, vivendo e pedindo
Com loucura prá você renascer...


Pai!
Você foi meu herói meu bandido
Hoje é mais
...
Nem você nem ninguém tá sozinho
Você faz parte desse caminho
Que hoje eu sigo em paz
Pai! Paz!..."

Fábio junior

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

NIVER DA MÁRCIA



Niver lindo demais, meu cunhado fez uma surpresa para ela uma declaração de amor linda!! E a Isa estava com a gente tudo tão bom. Faltou o Érico mas ele esta bem em vários "setores" isso que importa!

Amo vocês

TRECHO DO LIVRO: MENTES PERIGOSAS...


Abaixo um trecho do livro, mas até aqui o que consegui foi chegar a conclusão que devemos ser muito observadores. É muito difícil saber se alguém é digno de confiança até conhecê-lo bem e tentar saber o máximo possível sobre seu passado.

“Então não se esqueça:

Quando tiver que decidir em quem confiar, tenha em mente que a combinação consistente de ações maldosas com freqüentes jogos cênicos por sua piedade praticamente equivale a uma placa de aviso luminosa plantada na testa de uma pessoa sem consciência. Pessoas cujos comportamentos reúnam essas duas características não são necessariamente assassinas em série ou nem mesmo violentas. Não entanto não são indivíduos com quem você deva ter amizade, relacionamentos afetivos, dividir segredos, confiar seus bens, seus negócios, seus filhos e nem sequer oferecer abrigo.”

terça-feira, 9 de agosto de 2011

A HORA DE DIZER ADEUS


Aqui no sítio estou programando a data ainda... No final das contas sou sentimental, tenho pena de mandar qualquer coisa embora, então não mandei o INVERNO ainda por mais que não o ame.

Mas ele ficará só, pois merece a solidão até o ano que vem, por congelar extremidades, pelas doenças que provoca, pela cor cinza, pela deselegância: traz ventos fortes de levantar saias.

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

NOTICIAS DA MILENA



...Rezamos a ave Maria e descobri que havia através dela novamente redescoberto a esperança.

A Milena esta com 1 ano e 5 meses, ontem esteve aqui na revisão. O Dr. Raul tirou a medicação e só irá vê-la novamente daqui a 6 meses. Esta perfeita e saudável.

Eu só tenho um sentimento e uma frase: Obrigada nossa Senhora por ter salvado a Mimi!

Tua dinda

quarta-feira, 3 de agosto de 2011

MENTES PERIGOSAS - O PSICOPATA MORA AO LADO


O livro "Mentes Perigosas" sugerido por uma grande amiga e profissional - Fabi Cioccari - Esta respondendo algumas perguntas minhas. Uma destas características ou defeito ou qualidade: A busca incessante por motivos, por resposta, por compreensão, por perdão, perdoar ou definitivamente para não sentir remorso por querer me proteger.

Vou citar alguns trechos interessantíssimos, que me consumiram madrugada adentro.
Antes meus agradecimentos:

A psiquiatra e autora ANA BEATRIZ BARBOSA SILVA: Parabéns pelo profissionalismo, pelo livro, pelo alerta.

Obrigada a FABIANE CIOCCARI pela indicação e obrigada MÃE pelo presente.

TODOS DEVERIAM LER:

Mentes Perigosas - O Psicopata Mora ao Lado
Autor: Silva, Ana Beatriz Barbosa
Editora: Fontanar
Categoria: Psicologia / Psicologia

"Mentes Perigosas" discorre sobre pessoas frias, manipuladoras, transgressoras de regras sociais, sem consciência e desprovidas de sentimento de compaixão ou culpa. Esses "predadores sociais" com aparência humana estão por aí, misturados conosco, incógnitos, infiltrados em todos os setores sociais.
“Além disso, vivemos numa sociedade com valores distorcidos, de poucas referências, que nos levam a querer tirar vantagens aqui e acolá. Essas derrapagens e esses deslizes que estamos sujeitos em nossa jornada,definitivamente, não nos tornam psicopatas. Um belo dia o senso ético nos faz refletir sobre nossas condutas, voltar atrás e rever nossos conceitos do que é certo ou errado. Caso contrário, o remorso vai nos perseguir, torturar e, dependendo da extensão, jamais nos deixará em paz. Por isso é bom que o leitor tenha sempre em mente que aqui me refiro às pessoas de má índole, que cometem suas maldades por puro prazer ou diversão e sem vestígios de arrependimento. Esta última palavra simplesmente no parco repertório emocional dos psicopatas.”

A seguir novas citações...Volto para o livro

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

CONHEÇA-ME, COMPRENDA-ME! SE ME AMAR


Sou rotineira, perfeccionista, laboriosa e muitas vezes prolixa; Adaptei-me ao meu companheiro de matrimônio, afrouxando com o passar dos anos minha rigidez cerebral.
Sou serviçal, gosto de dar conforto e segurança; adoro meus filhos do coração e por eles sou capaz de todos os sacrifícios.
Sou demasiadamente dada ao raciocínio, mas me seduzem o afeto e a voz do coração; tudo passa pelo meu peneiramento analítico.
Não passei metodicamente, antes de meu casamento, por uma "calculada" amizade, noivado, diálogo e interesse intelectual. Em quatro meses estávamos casados.
Sou honesta. E, aiiii como exijo de mim e acabo cobrando demais dos outros. Desequilibrada muitas vezes... Busco incessantemente meu ponto de equilíbrio... Nem 8 nem 80.
Há dentro de mim esta eterna sensação de que algo precisa ser reformulado e reciclado o que me provoca a perpétua e eterna sensação de que algo pode ser diferente, melhor, mais adequado.
Sem uma rotina precisa e clara, me perco, tornando-me aflita, nervos, serviçal – pois tenho de encontrar um local onde possa ser útil.
Seja bem vinda a minha vida e ao meu coração!

sexta-feira, 29 de julho de 2011

"ESTAMOS INDO DE VOLTA PARA CASA..."


Como é bom chegar a POA mesmo com chuva às 05h30min da manhã depois de 6h de viajem. O trajeto até em casa esta deserto, mas tudo no seu devido lugar como deixei há uma semana e com a expectativa dere ver a Isa e Lu que voltaram para ficar definitivamente. Ufa!

O abraço do Márcio apertado, apaixonado, cúmplice, meu eterno amor... Conversas intermináveis até as 7h da manhã.

Deixei Santo Ângelo eufórica, feliz, já com saudades das jantas com gargalhadas de chorar, a minha "profe da vida" indescritível como sempre com seu jeito me levou a gostar de um lugar mágico onde estou aprendendo a tirar as cascas e voltar a minha essência.

As cumadis felizes com a dedicatória que fiz para meus filhos do coração! Encontrei tanta verdade nessa viajem: Amor, ternura, carinho. Pessoas que da vontade de estar perto.

Volto para casa feliz!

terça-feira, 26 de julho de 2011

ERROS DO CORAÇÃO.. ERROS DE PORTUGUÊS


“O português é uma língua falada em vários países, distantes entre si e espalhados por quatro continentes, pelo que apresenta diferenças locais relevantes de país para país. Da mesma forma que, embora em menor grau, também há diferenças nas gírias locais entre uma região e outra, dentro do mesmo país.

Fonte: Wikipédia:Versões da língua portuguesa”

Estou preocupada com os meus erros ortográficos, preciso baixar um mega, ultra, super corretor para continuar escrevendo no meu blog.
Mas nunca fui boa mesmo nas letras, na concordância, acentuação e tudo mais que o português tem de regras.
Sou boa de coração tenho absoluta certeza... Sinto tanto não poder fazer mais e mais.
E assim as palavras sempre escorrem do meu coração e nunca de um dicionário. Fica feio? Afronta quem lê? É... Se as regras foram criadas devem ser usadas, vivemos em sociedade (por mais hipócrita que ela seja às vezes).
Não sou contra escrever correto. Vou baixar um corretor ortográfico ficará tudo mais lindo.

BEIJO DO GORDO E VIVA O CARPINAJAR


O Carpinejar tirou um peso de minha consciência ontem no programa do Jô. É normal o Márcio fazer a lista do Super, é normal eu ligar para saber aonde esta o aspirador de pó, é normal eu não gostar da pia e ele lavar a louça. E olha q. ele é casado com uma psiquiatra se não fosse normal ela daria um jeito nele. Finalizando o Carpinejar disse que os homens (raros, claro) fazem isso para nos tornar dependente deles. EU AMO ser dependente!

segunda-feira, 13 de junho de 2011

ATRIZES E ATORES DA VIDA

Me questionava por que levamos tanto tempo para descobrirmos certas verdades.

Não eu nunca fui de fechar os olhos, é o que eu vejo e acredito.

Uma pessoa muito sábia e verdadeira me confidenciou: "Existe um momento até para nos decepcionarmos, temos que estar preparados" Pois é que acho que é verdade...Não me doeu tanto assim estava ali o tempo todo e eu não via.

Mas e agora qual meu papel, deixar assim? Tem um ditado muito engraçado: " No fundo do poço tem mola" será que tem mesmo? E se não tiver quem vai tirar a pessoa delá? E se ela afundar mais e mais? Qual o meu papel agora?

Sugerir que a pessoa se dedique ao teatro? Ou deixar que ela use seu talento para o bem...Um dia...assim de repente?

quarta-feira, 1 de junho de 2011

MILENA

A Milena esta caminhando...sem palavras so agradecimentos a Deus e o coração explodindo de felicidade.

Aonde ela aprendeu a me fazer tão feliz assim?

Com certeza com outros anjos no céu...

quarta-feira, 25 de maio de 2011

NOTíCIAS

Sonhei que a Mi dava os primeiros passinhos sozinha...E hoje a Marta me escreveu contando exatamente isso.

Nós temos uma ligação muito forte, diz uma grande amiga e freqüentadora assídua do Centro espírita que nós duas temos uma ligação de outras vidas.Dom Inácio de Loyola (Jesuíta da Companhia de Jesus) dizia: Para quem acredita, nenhuma palavra é necessária; para quem não acredita, nenhuma palavra é possível.

Isso ocorre entre eu e Érico meu irmão de sangue e provavelmente espiritual também, pois cansamos de ter o mesmo sonho ou de nos telefonarmos quando sentimos que algo não anda bem um com o outro...

A Kátia Ribas tem a história dela com o Caetano. Uma história linda de amor,dedicação, força e transformação. A Casa dela tem uma energia inacreditável, ela conseguiu transformar um lugar "sagrado" em um lugar "sagrado" contemporâneo,com a personalidade dos três habitantes. A Cirurgia será um sucesso.

segunda-feira, 23 de maio de 2011

ESCRITO PELO CORAÇÃO DE KÁTIA RIBAS DIÁRIO DE VIDA DO CAETANO


Dói nele, dói em mim
A segunda cirurgia do Caetano já está praticamente marcada, será no final de agosto ou início de setembro. Dia 26 de agosto ele completa seu primeiro aninho de vida. Faremos uma festa íntima, em casa, mas com tudo o que tem direito: doces, salgados, bolo, crianças, músicas, fotos, etc. O tema da decoração: “bolas”. Ele ainda não entende e mal conhece personagens infantis, simplesmente ama bolas. Então, nada mais justo que enfeitar ao gosto dele, vamos encher a casa de bolas, de todos os tamanhos e cores. Já consigo imaginar os olhinhos brilhando. Será uma festa linda, mesmo que tardia. Sim, faremos mais tarde. Eu não conseguiria organizar e curtir uma festa às vésperas da cirurgia. Só depois que tudo se acalmar, que tudo passar... inclusive, depois que passar este meu sentimento de vulnerabilidade. Mas será que ele passa? Explico: antes do Caetano nascer, não havia nada que eu temesse muito. Nunca fui uma “mulher-maravilha” forte e destemida, sempre tive minhas fragilidades, meus medos, coisas normais, como medo de ficar gravemente doente ou de perder pai, mãe e irmãos. Mas isso faz parte da vida e a gente aprende a lidar - ou não aprende e simplesmente ignora e finge que eles são seres imortais. Eu nunca tive um “calcanhar de Aquiles”. Aquiles foi um herói da mitologia grega que simbolizava o luto. Todo seu corpo era invulnerável, protegido, resistente, exceto em seu calcanhar. Aí um inimigo, sabendo disso, foi lá e meteu uma flecha envenenada bem no seu calcanhar. Então quando a gente diz "calcanhar de Aquiles" está querendo dizer "onde está o ponto fraco, por onde alguém pode ser ferido ou atacado". Meu calcanhar de Aquiles é o Caetano. Agora tenho um ponto de fragilidade.

Claro que ele é a minha maior felicidade, minha riqueza, é a minha força, onde busco todos os dias motivos pra ser forte. Mas é também onde me acabo, aonde me doe mais. Dei-me conta disto quando ele fez a primeira cirurgia. Hoje me sinto capaz de tocar no assunto, escrever sobre isto. Falar ainda não. Faz algum tempinho, eu sei, mas ainda choro, é incontrolável. E agora, com a proximidade da segunda cirurgia, este sentimento de medo aflora novamente. Ele não passou, tava ali, quietinho, adormecido, e agora começa a vir a tona. Não estou sendo negativa, pelo contrário, tenho em mente que algumas coisas não saíram como planejadas, mas que nem por isso deixarão de dar certo. E no fim eu sei que darão. Só que algo que represente um possível sofrimento pro Caetano, gera em mim a maior angústia que eu já experimentei na vida. Sei que ele vai passar por momentos difíceis, será inevitável. E não falo apenas das cirurgias. Elas me fizeram ver que não tenho como preservá-lo de todos os sofrimentos da vida, que mesmo me transformando na leoa com o mais forte instinto maternal de proteger a cria, têm coisas que fogem do meu controle, que nestas horas só me resta rezar pra Mãe Rainha e pedir que o proteja, e que vai ser assim sempre.

Ainda bem que vou começar minha terapia. Quero pedir a doutora aqueles comprimidos que tornam as mães mais fortes que Kate Marrone, a “Mulher de Aço”. Sei que ela vai me dar e tudo vai ficar bem, meu filho não vai sofrer nunca e eu serei sempre forte. Mas, no caso dela não querer me receitar ou simplesmente dizer que não existem remédios pra este mal, pedirei que apenas me ensine a lidar com esta minha nova constatação: estou vulnerável para todo o sempre amém!

domingo, 22 de maio de 2011

Retornando ao Blog


Recebi uma mensagem da minha amiga Kátia Ribas, questionando se eu não escreveria mais no meu blog. Pois é...andei afastada, andei apaixonada ou viciada no face, depois também andava acho que meio vazia de idéias. Andei perdendo até a senha...desleixo!

Mas vou voltando aos pouquinhos, meio sem inspiração, numa fase bem diferente da minha vida. Que se construiu ou construí de repente. Acho ela estranha. Introspectiva, assim como o inverno, cinza, janelas fechadas, muitos agasalhos para me "proteger". Sou verão...Quem sabe quando esquentar de novo eu não tenha idéias lindas para este blog.

Mas aí vai meu Beijo para Kátia e Caetano, lindos lindos demais. Por dentro e por fora.

sexta-feira, 29 de abril de 2011

ESTRELISMO?


Dia desses corri para o espaço Tchê ali na José da Patrocinio, pois estaria tocando um grande ídolo meu...Eu pedi uma música em homenagem ao meu pai E O TAL MÚSICO além de fazer de conta que não me conhecia quando chegou, não tocou música nenhuma da qual pedi...

Fui remetida a minha infância, um grande pé de abacateiro em frente nossa casa, ele chegava era um menino e eu uma criança. Trazia balas para que eu não atrapalhasse enquanto o meu pai o ensinava a tocar gaita.

Meu pai já se foi, ficou um troféu com nome dele para música mais popular no festival de musica em Santo Ângelo, ele não aproveitou não seu talento, mas sempre dividiu...escrevia lindas letras que de tão lindas muitos gravaram como suas, tudo bem ele não tinha o apego. Os poetas são assim...

Mas o tal ídolo como homem para mim deixou cair a máscara e surgiu o estrelismo, quando isso acontece melhor desejar que um dia evolua.

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

EU, MODO DE USAR:



Pode invadir ou chegar com delicadeza, mas não tão devagar que me faça dormir. Não grite comigo, tenho o péssimo hábito de revidar. Acordo pela manhã com ótimo humor mas ... permita que eu escove os dentes primeiro. Toque muito em mim, principalmente nos cabelos e minta sobre minha nocauteante beleza. Tenho vida própria, me faça sentir saudades, conte algumas coisas que me façam rir, mas não conte piadas e nem seja preconceituoso, não perca tempo, cultivando este tipo de herança de seus pais. Viaje antes de me conhecer, sofra antes de mim para reconhecer-me um porto, um albergue da juventude. Eu saio em conta, você não gastará muito comigo. Acredite nas verdades que digo e também nas mentiras, elas serão raras e sempre por uma boa causa. Respeite meu choro, me deixe sózinha, só volte quando eu chamar e, não me obedeça sempre que eu também gosto de ser contrariada. ( Então fique comigo quando eu chorar, combinado?). Seja mais forte que eu e menos altruísta! Não se vista tão bem... gosto de camisa para fora da calça, gosto de braços, gosto de pernas e muito de pescoço. Reverenciarei tudo em você que estiver a meu gosto: boca, cabelos, os pelos do peito e um joelho esfolado, você tem que se esfolar as vezes, mesmo na sua idade. Leia, escolha seus próprios livros, releia-os. Odeie a vida doméstica e os agitos noturnos. Seja um pouco caseiro e um pouco da vida, não de boate que isto é coisa de gente triste. Não seja escravo da televisão, nem xiita contra. Nem escravo meu, nem filho meu, nem meu pai. Escolha um papel para você que ainda não tenha sido preenchido e o invente muitas vezes.

Me enlouqueça uma vez por mês mas, me faça uma louca boa, uma louca que ache graça em tudo que rime com louca: loba, boba, rouca, boca ... Goste de música e de sexo. goste de um esporte não muito banal. Não invente de querer muitos filhos, me carregar pra a missa, apresentar sua familia... isso a gente vê depois ... se calhar ... Deixa eu dirigir o seu carro, que você adora. Quero ver você nervoso, inquieto, tenha amigos e digam muitas bobagens juntos.Me conte seus segredos ... me faça massagem nas costas. Não fume, beba, chore, eleja algumas contravenções. Me rapte! Se nada disso funcionar ... experimente me amar !!!
Martha Medeiros

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

LETI BOHN


QUERO TE DIZER muito OBRIGADA por ontem so teu sorrizão lindo e acolhedor ja me tranqüilizou. Beijo no teu coração

"Ela acreditava em anjos e por que acreditava eles existiam"

sábado, 22 de janeiro de 2011

AS VISITAS DELA

Ela tem vindo brincar no meu sono. Noite dessas ela pendurou os bracinhos no meu pescoço e compramos vestidos rosa (eram gigantes, não serviriam nela), nesta noite ela trouxe a vovó a tira colo além de sua doçura e beleza. Em outra noite veio de carrinho e lambuzada de papinha acho que tinha acabado de fazer o lanche, me pediu colo segurava meu rosto e esfregava seu narizinho no meu, dizia frases numa linguagem so dela...Essa coisa de comunicação de bebes que a gente acha que entende ou quer entender. O mais engraçado é que quando acordo destes sonhos esta na minha cama o cheirinho dela, tento voltar para o sonho raramente consigo pois certamente ela também volta para o sono dela para brincar com seus anjinhos.

domingo, 9 de janeiro de 2011

A PRAÇA DA CATEDRAL DA CASA DELES


Hoje encontrei Tio Pedro, o professor: Pedro Osório do Nascimento, ele conversava com um amigo na praça da catedral “da casa dele”... Ele perguntou: “como esta Porto Alegre? Continua sentado no Cais no Porto?” Fiquei sem resposta e emocionada diante da forma poética que ele iniciou nossa breve conversa.



A Casa não é mais dele diante da lei dos homens. Ela foi vendida, pois ficou gigante somente para ele e sua saudade...



Diante da “lei do meu coração” ela será eternamente a casa da Tia Alba e do Tio Pedro...a casa da nossa infância, com coca-cola mini, a árvore de uvas do Japão, a TV colorida, a casa de onde eu via os pais atravessarem a praça com seus filhos fantasiados para o matine de carnaval do clube gaúcho...Um dia atravessei também...de mãos dadas com a mãe e tia...ô tarde glamorosa, divertida, fui apresentada aos confetes e serpentinas, dei voltas no salão.



Era na cozinha da casa da esquina que o tio Pedro nos deu muitas e muitas aulas de cultura, por muitas vezes eu não o ouvi, só admirei e me enchi de orgulho de ter o mesmo sangue. Contava-nos da sua infância, adolescência e Juventude dele e da vó Dileta, no interior de SA.O primo deles . o Dr. Ernesto (do hospital ali da esquina...Nossa sra. De Lourdes) fazia faculdade de medicina e quando vinha de férias ensinava o que havia aprendido e a vó saia medicando o povo no interior verificando febre, conta o tio que as pessoas achavam que a vó tinha o poder de “tirar a febre” e assim resumidamente eram nossas conversas nossos laços jamais desatados.



Quando a tia Alba decidiu partir não imaginou que me deixaria um pouquinho órfã, que na manhã de sua partida eu sonhei que conversava com ela, acordei com a ligação da mãe avisando que ela havia nos deixado. Esta é uma daquelas saudades que nunca irá passar.



Os dois eram complementos um do outro, sempre serão uma parte minha mesmo sem saberem da sua grande importância na minha vida e a praça da catedral como a casa da esquina sempre serão da Tia a Alba e do Tio Pedro neste canto aqui meu onde guardo as melhores lembranças.

segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

VISITA A CLARA E JANINE


Jan de onde tiraste a perfeição daquele dia em que sai para simplesmente brincar de amor com a Clarinha? Temperaste os pates com sabedoria, me serviste suco de 2º chance, me contou casos do arco da velha e me ensinaste que nem tão velha ela é assim...Me deu tapas de carinho, gritos de saudade recolhida, me serviu suco de laranja com sabor de laços eternos e eu descobri que jamais viverei um dia sequer da minha vida sem vocês 3! Com amor da dinda Kátia